Técnicas de descida


Foto GFNY 2014

Estou trabalhando com treinamento de ciclismo fazem 5 anos, trabalho com atletas iniciantes, entusiastas e de performance.


É comum o ciclista buscar aerodinâmica nas descidas e ficar bem próximo do (pelotão) ou do atleta da frente, pra conseguir obter maior velocidade e com isso "tirar tempo" se aproximar dos demais ciclistas e até mesmo abrir uma diferença pros demais.


O exemplo vem dos profissionais que é comum fazer isso nas grandes competições pelo mundo, vale ressaltar que os profissionais tem contratos vivem do esporte , são pagos pra obterem resultados , por 25 anos vivi isso.


O ciclista (amador) ele tem seu trabalho , seus compromissos e NÃO tem a vivência de um atleta profissional, pelo calor da emoção acaba se empolgando onde acontece os acidentes. Outro detalhe a ser visto, nas provas os lugares estão fechados não tem transito de veículos, diferente dos treinamentos onde se errar uma curva ou bater na roda de um atleta corre o risco de cair em meio trânsito de carros etc...


Após algumas quedas, passei a ter muito mais cuidados, mantenho distância dos ciclistas, não desço em posições aerodinâmicas (foto dá pra ver claramente ), não temos defesas quando esta perto ou em certas posições, não que o acidente a queda nunca vai ocorrer, quando fazemos nossa parte conseguimos EVITAR muitas coisas. No GFNY teve inúmeras quedas nas descidas , por estar sempre longe fui até o final conquistando o prêmio de montanha e terminando na QUINTA COLOCAÇÃO GERAL com mais de 8 mil ciclistas na prova.


Tem quem posso criticar meus comentários e orientações, respeito a posição de cada um , sempre gosto de pecar por excesso nunca por omissão.